Um software para pequenas empresas tem se tornado uma das ferramentas indispensáveis no arsenal de quem deseja obter sucesso na atualidade. Ele faz toda a diferença para a gestão do negócio como um todo, inclusive para extrair várias ideias para aplicar em sua estratégia.

De acordo com os números divulgados pelo DataSebrae, nos últimos três anos houve o crescimento de quase dois milhões de empreendedores no Brasil. Mesmo em um momento de recessão econômica, ainda assim houve um acréscimo de 7% nas Pequenas e Médias Empresas (PME). Isso representa uma concorrência cada vez mais acirrada no mercado.

Ao mesmo tempo, dados do IDG Research Services apontam que a produtividade de empreendimentos que usam um software de gestão para pequenas empresas são capazes de crescer pelo menos 35% mais rápido. Seus lucros são muito maiores do que das companhias que não adotam essa estratégia.

Consegue perceber a relação entre essas duas referências? Escolher uma solução de software para pequenas empresas é um diferencial que garante destaque e prosperidade para os negócios.

Os empreendedores contemporâneos estão dispondo de ferramentas de controle muito mais eficientes do que a geração anterior. Sistemas de gestão inteligentes têm permitido a aceleração e o efetivo controle de processos administrativos. E isso vai muito além de um mero modismo tecnológico. Duvida? Então veja só.

As facilidades de um software para pequenas empresas

Ser dono da própria empresa é o sonho de muita gente. Só que mais complicado do que abrir as portas de um negócio é administrá-lo com eficácia. E o empreendedor sabe o quanto seu tempo e dinheiro são importantes em todas a operações cotidianas.

Nesse contexto, aderir a um software para pequenas empresas figura como uma das soluções que mais reduz custos com a gestão, pois automatiza a maior parte do processo. Com agilidade e a partir de qualquer dispositivo (como computadores, laptops e celulares), é possível ter uma visão ampla de tudo que está acontecendo na companhia.

E, embora seja preciso inicialmente dedicar-se a conhecer a plataforma, migrar informações e fazer uma consultoria de implementação, em um curto espaço de tempo os resultados aparecem. A vantagem dos sistemas online para pequenas empresas é que, ao contrário dos que são instalados somente nos computadores da firma, seus dados estão protegidos na nuvem e não correm o risco de serem corrompidos ou perdidos.

Além da prerrogativa dos servidores, ainda há a prontidão do serviço de suporte. Isso otimiza a gestão empresarial. Definitivamente, o uso de um software para pequenas empresas é uma atitude sensata e que denota profissionalismo.

Os principais sistemas de gestão para pequenas empresas

No mercado atual, os softwares para pequenas empresas estão ganhando cada vez mais espaço. Diversos sistemas de gestão empresarial são oferecidos através de plataformas online e aplicativos.

SAP

Dentre os principais sistemas, destacam-se nomes como a SAP. O SAP é um ERP, sigla derivada do inglês Enterprise Resource Planning, ou seja, Planejamento dos Recursos da Empresa. Essa empresa é alemã, mas também atua no Brasil. Embora seja uma grande companhia, tem produtos em seu portfólio direcionados para PME, como o SAP S/4HANA Cloud e o SAP Business One. O maior inconveniente é que seu sistema é avaliado em inúmeras reviews como ‘muito caro’, pois o mais simples fica na média de R$ 6.250,00 mensais.

Software para pequenas empresas: SAP

TOTVS

A TOTVS é uma das maiores empresa de softwares de gestão empresarial no Brasil e no mundo. A empresa disponibiliza diversas soluções para negócios, incluindo o Software Fly01 voltado para micro e pequenos negócios e permite a gestão de 4 módulos: financeira, compras, estoque e faturamento. O Fly01 está disponível no mercado por R$ 81,00 / mês.

ContaAzul

A startup ContaAzul é uma das mais populares quando o assunto é gestão financeira. Com planos de R$99 a R$419,00 por mês, a ContaAzul oferece controle financeiro, de vendas, de estoque, fluxo de caixa até mesmo emissão de boletos e notas fiscais nos planos mais avançados.

Tangerin

O Tangerin é uma das soluções de gestão empresarial que chegou para revolucionar o negócio. Ele foi desenvolvido pela Siecles Softwares, com o objetivo de descomplicar o dia-a-dia do dono de PMEs através de gestão online.

Esse software para pequenas empresas integra os principais setores de uma organização, como gestão financeira, gestão de compras, gestão de vendas, estoque e produção. Os planos são mais flexíveis do que os da concorrência e começam na média de R$ 34,90 mensais por usuário.

Software para pequenas empresas: Tangerin

Afinal, qual o melhor software para pequenas empresas gerenciarem seus negócios?

Antes de escolher a melhor solução de software para pequenas empresas que se encaixa nas suas necessidades, é preciso refletir. Quais são as suas reais prioridades?

Fazer uma lista com os quesitos funcionais básicos que são interessantes para a empresa ou analisar os itens propostos pelo próprio desenvolvedor é importantíssimo. A intenção é justamente conectar e integrar diversas funções em um só sistema. Então, de nada adianta implementar uma plataforma que foca apenas na gestão financeira e deixe de contemplar a gestão de compras ou comercial, por exemplo.

Quando estamos prestes a contratar um serviço ou um fornecedor, é comum fazermos algumas demandas que atendam às nossas expectativas. Com os softwares para pequenas empresas funciona da mesma maneira. Por isso, para escolher a melhor é preciso considerar os custos e benefícios do sistema de gestão.

Aplicabilidade do sistema de gestão na rotina da empresa

A principal finalidade de um software para pequenas empresa precisa ser a gerência através de processos lineares e intuitivos. Isso é primordial para que o empreendedor tenha condições de tomar decisões mais assertivas para os seus negócios.

Por isso, fique de olho se o software para pequenas empresas que você está prestes a contratar oferece:

  • Uma consultoria de implementação do software;
  • O cadastro e a avaliação de fornecedores e colaboradores;
  • A relação entre receitas e despesas para o controle de finanças;
  • Facilidades para o processo de compras, como fluxo de aprovação e assinatura eletrônica;
  • O controle de prospecções de vendas e fluxo de caixa;
  • Integrações e acessos à API, para conexão com seu website e outras ferramentas do mercado;
  • Sincronização com contas bancárias;
  • Possibilidade de importação de NF-e;
  • Gestão de mútuos financeiros entre os sócios;
  • Relatórios, comparativos e gráficos para acompanhar o desempenho da empresa;
  • Confecção de documentos, contratos e recibos personalizados;
  • Gerenciamento de campanhas de marketing e seus resultados;
  • Meios facilitadores da comunicação com os seus clientes;
  • Armazenamento na nuvem e transmissão de dados com Certificado SSL;
  • Notificações para compromissos importantes da agenda;
  • Suporte rápido e fácil, preferencialmente com as opções de chat, telefone, skype e e-mail.

Todas essas soluções em um único software para pequenas empresas é tudo que o empreendedor precisa pra potencializar o uso do seu tempo e dos recursos no que realmente é preciso, otimizando suas tarefas diárias e suas despesas.

Procedimentos prévios

Antes de contratar o software para pequenas empresas que mais se adequa à gestão dos seus negócios, é importante fazer uso de recursos de demonstração. A experiência dentro da plataforma é um meio seguro de avaliar se o investimento vale a pena.

Por isso, usufrua de propostas de testes gratuitos dos principais softwares para pequenas empresas. Assim, em apenas alguns clicks a sua produtividade pode, finalmente, começar a crescer exponencialmente.

Se esse artigo foi válido para você, pode ser válido para seus amigos que estão na mesma empreitada. Que tal compartilhar? Se ficou com alguma dúvida, aproveite o campo de comentários abaixo e deixe-nos uma mensagem, será um prazer auxiliá-lo nessa decisão.